PERSPECTIVAS FUTURAS PARA O MODAL RODOVIÁRIO

AVANÇOS ESTRUTURAIS NA BAIXADA SANTISTA

  • Mauricio Souza Rodrigues Fatec Baixada Santista Rubens Lara
  • Rodolfo de Lima Clímaco dos Santos Fatec Baixada Santista Rubens Lara
  • Julio Cesar Mota M. Almeida Fatec Baixada Santista Rubens Lara
Palavras-chave: Transporte Rodoviário. Perspectiva Futura. Infraestrutura. Baixada Santista

Resumo

Por ser o modal rodoviário o mais utilizado na movimentação de cargas para Região da Baixada Santista, entender seus gargalos e apontar perspectivas futuras para o seu desenvolvimento é de extrema importância, não apenas para a população local, mas para toda a economia da região metropolitana e, por consequência para o estado de São Paulo. Com o crescente movimento de globalização mundial de produtos e o aumento das demandas para diversas partes do país e do mundo, o transporte de carga viu aumentada a sua necessidade, tornando-se indispensável na movimentação de cargas portuárias. Entretanto, a administração regional não se atentou com o eminente crescimento populacional, que passou a exigir cada vez mais eficiência e eficácia na entrega de mercadoria. Nesse sentido, este artigo objetiva a discutir os impactos causados pela falta de infraestrutura, e outros gargalos, das rodovias da região, analisando a situação e propondo alternativas que possam ser implementadas pensando no cenário futuro, não só para a região metropolitana, mas também, para a economia do país

Publicado
2019-10-28